CHORUS

Originalmente desenvolvido em resposta a um memorando emitido pelo Office of Science and Technology Policy da Casa Branca, o serviço CHORUS melhora a infraestrutura existente para ajudar com o acesso, a conformidade, a descoberta e a preservação de artigos revisados por pares. A Elsevier é membro fundadora do CHORUS e, juntamente com outras editoras, participou ativamente do desenvolvimento e dos testes do CHORUS para oferecer um serviço de conformidade de baixo custo para o acesso aberto.

Pesquisar o serviço CHORUS

Como funciona

O CHORUS foi desenvolvido para abordar os pontos críticos do acesso aberto, oferecendo:

  • Aumento da conformidade
  • Acesso à melhor versão disponível de um artigo
  • Maximização dos benefícios existentes, infraestrutura comprovada
  • Prevenção da duplicação do trabalho
  • Disponibilização de relatórios transparentes e rastreamento de financiadores e instituições

O CHORUS utiliza a infraestrutura das editoras para oferecer acesso a textos completos e parceiros com arquivos com acesso restrito da CLOCKSS e Portico para garantir a preservação de longo prazo de pesquisas científicas e médicas. Também oferece relatórios e monitoramento da conformidade a financiadores e instituições participantes.

Parceiros participantes

Na Elsevier todas as revistas estão incluídas no CHORUS para pesquisadores afiliados a agências e universidades participantes. Atualmente, apoiamos:

  • Fundação Nacional de Ciência dos EUA
  • Departamento de Defesa dos EUA
  • Departamento de Energia dos EUA
  • Smithsonian Institute
  • Pilotos na Universidade de Denver e Universidade da Florida nos EUA
  • Pilotos no Japão, com a Agência de Ciência e Tecnologia e a Universidade de Chiba

Na prática, isso significa que hospedamos o manuscrito aberto na ScienceDirect, tornando-o acessível para o público após o vencimento do período de embargo. Também oferecemos acesso gratuito à solução Scopus para as universidades que estiverem realizando pilotos.

Perguntas Frequentes

Qual versão da revista será oferecida e quando poderá ser acessada na ScienceDirect?

O acesso será oferecido para a versão do manuscrito de um artigo do autor após o fim do período de embargo da referida revista. O usuário que for afiliado de uma instituição que seja assinante poderá ter acesso à versão final do artigo, a melhor versão disponível e não ao manuscrito do autor.

O período de embargo é aplicado a todas as revistas da Elsevier? Onde posso encontrar a lista?

Sim, um período de embargo padrão é aplicado a todas as revistas da Elsevier. A lista completa pode ser encontrada no site Elsevier.com (em inglês). Também temos um ferramenta para busca dos períodos de embargo disponível aqui. Observe que existem algumas exceções para órgãos financiadores nos quais períodos de embargo menores são aplicados.  Veja a nossa seção de acordos (em inglês).

Como os manuscritos da Elsevier podem ser disponibilizados na ScienceDirect para serem reutilizados no CHORUS?

A versão baixada poderá ser usada de acordo com os termos da licença do usuário da Elsevier (em inglês). Uma comparação das licenças pode ser encontrada na nossa página de licença de acesso aberto (em inglês).

Como um autor pode saber se o seu manuscrito está disponível pelo CHORUS?

Os autores financiados pelo Departamento de Energia dos EUA e pelo Smithsonian Institute são os únicos cujos manuscritos são atualmente abertos via Elsevier. Os manuscritos de outros parceiros serão disponibilizados durante 2017.

O acesso ao conteúdo disponibilizado por meio do CHORUS depende da localização geográfica do usuário? (ex: somente usuários dos EUA podem acessar o conteúdo)

Não. O objetivo do CHORUS é ampliar o acesso e aumentar a conformidade, as descobertas e a preservação dos artigos revisados por pares. Pessoas de qualquer país podem acessar livremente o conteúdo.

Cada vez mais, é pedido que os autores também disponibilizem os dados de pesquisa em acesso aberto, juntamente com os respectivos artigos publicados. O CHORUS também será usado para dados de pesquisa?

O CHORUS está sendo testado em várias novas iniciativas com o objetivo de estender seus serviços para instituições. O uso dos dados de pesquisa também está sendo avaliado neste momento, embora testes formais não estejam em curso.