Perguntas frequentes sobre o EVISE para editores

Por que a Elsevier está desenvolvendo o EVISE?

Como o EVISE é de propriedade da Elsevier, temos controle total sobre o seu desenvolvimento, o que nos permite promover a inovação e o progresso na submissão de artigos e na revisão por pares. Os princípios de desenvolvimento "ágil" que usamos nos permitem responder ao feedback dos usuários finais e do nosso próprio monitoramento. Finalmente, o EVISE será totalmente integrado a outros dos principais produtos da Elsevier, incluindo as soluções Scopus, ScienceDirect e Mendeley, proporcionando aos usuários uma experiência muito melhor e nos permitindo oferecer suporte aos pesquisadores desde a pesquisa até a colaboração.

Quais são os benefícios para a minha revista?

Você pode ler sobre os principais recursos aqui.

O EVISE oferece todas as funções oferecidas no EES?

Sim e não. Sim, no sentido de que a sua revista não será agendada para migração até que possamos oferecer todas as funções (que podem ser funções equivalentes) que são necessárias para operar. Não, no sentido de que você poderá observar que uma função não foi incluída no EVISE, ou que o EVISE atende à necessidade de uma maneira diferente. Não copiamos todas as funções do EES para o EVISE, já que muitos dos recursos do EES não eram usados pela maioria das revistas, ou porque essas funções ficaram desatualizadas / não ideais com o tempo.  O EVISE é um novo sistema que foi desenvolvido a partir do zero e estruturado e organizado de uma maneira diferente do EES. Enquanto o EES foi baseado na função, o EVISE é baseado na tarefa.

Como o suporte será oferecido aos usuários e como eles poderão aprender a usar o novo sistema?

ferramenta de aprendizado eletrônico autoguiada do EVISE está disponível para todos os usuários. O serviço de suporte está em funcionamento desde o momento em que as primeiras revistas migraram e estará disponível durante e após a migração por meio do nosso site de suporte. Uma demonstração da função recém-introduzida será disponibilizada após cada lançamento no lado direito da página inicial de aprendizado eletrônico na opção Ferramentas > Assistir vídeo demo para o editor.

Para editores:

  • Para as revistas que estiverem migrando do EES para o EVISE, ou novas revistas criadas no EVISE, será solicitado que o editor principal, ou o porta-voz mais adequado do editor, participe da "sessão de configuração" da revista. Durante essa sessão, o editor terá a oportunidade de discutir e decidir sobre as configurações detalhadas, juntamente com o publisher e o journal manager, e um treinador experiente.
  • Após essa sessão de configuração, todos os editores serão convidados a participar de uma sessão de treinamento, em um momento adequado para eles, antes de usar o sistema.
  • Um site de teste será disponibilizado para que todos os principais editores conheçam o sistema antes de usá-lo.
  • Para editores que entrarem para revistas que já tiverem sido migradas para o EVISE, será disponibilizado um treinamento completo para uso do sistema.

Para se inscrever em uma sessão de treinamento do EVISE para editores, clique aqui, selecione o idioma preferencial para o treinamento e, em seguida, o intervalo de horário preferido. Em seguida, um treinador entrará em contato para fornecer mais informações.

Quando ocorrerá a migração da minha revista?

As revistas serão migradas individualmente do EES para o EVISE durante 2017/2018. O cronograma de migração será determinado pelo publisher da revista em consulta com os editores e será comunicado com bastante antecedência sobre o início da migração. A migração será coordenada por um responsável pela implementação que trabalhará em colaboração com o journal manager e o publisher da revista, e com um treinador específico do EVISE, que trabalharão juntos para garantir  - juntamente com você - que a sua revista seja configurada da melhor maneira possível, que você se sinta à vontade com o novo sistema e que a transição ocorra sem intercorrências.

O que acontecerá com as novas submissões quando o site do EVISE for aberto?

As novas submissões regulares serão direcionadas para o EVISE. Novas edições especiais serão configuradas no EVISE sempre que possível, mas novas submissões para edições especiais existentes no EES devem continuar sendo enviadas para EES.

O que acontecerá com os manuscritos remanescentes no EES quando o site do EVISE for aberto?

Tanto o EES quanto o EVISE deverão ser usados por algum tempo depois que o site EVISE de uma revista for aberto, enquanto as submissões no EES forem concluídas. No entanto, cientes da dificuldade que trabalhar em dois sistemas editoriais cria para os editores, tentaremos reduzir as sobreposições ao mínimo possível.

Quando o site do EES será fechado?

O site do EES será encerrado quando a última submissão ativa no EES para uma revista for concluída.

O que acontecerá com os dados do EES?

Os registros do histórico serão mantidos de acordo com a nossa política de arquivamento e serão disponibilizados mediante solicitação.

O banco de dados de revisores da minha revista será migrado para o EVISE?

Uma transferência inicial dos registros de revisores de uma revista ocorrerá quando a migração para o EVISE começar. Essa transferência incluirá as estatísticas de revisores, palavras-chave pessoais e classificações pessoais que podem ser pesquisadas durante a busca de um revisor. Observe que o histórico de revisões (os manuscritos revisados e as recomendações feitas por um revisor) não será transferido para o EVISE. Os editores poderão convidar revisores normalmente. Quando o site do EES for descontinuado, uma transferência final será realizada para garantir que todos os revisores recém-adicionados ao EES sejam transferidos para o EVISE.

Todas as revistas serão transferidas para o EVISE?

Sim, todas as revistas serão transferidas para o EVISE. O comissionamento do EES será encerrado quando todas as revistas tiverem sido migradas.

Quando serei contatado sobre a migração da minha revista?

A Elsevier entrará em contato com editores individuais de todas as revistas antes da migração e fornecerá todas as informações relacionadas à migração com bastante antecedência. Se você tiver dúvidas nesse meio tempo, entre em contato com o publisher responsável pela sua revista.